De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Mundo

Saiba quem são os novos países “observadores” na CPLP

Os líderes dos nove países lusófonos aprovaram a concessão da categoria de observador associado a mais Estados — Luxemburgo, Andorra, Reino Unido, Sérvia, Chile, França, Itália – e à Organização de Estados Ibero-Americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI).

A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) alarga assim o seu âmbito numa decisão que já era esperada depois das viariadas mainfestações de interesse por parte dos países acima referidos.

O Reino Unido é um deles e a sua embaixadora em Lisboa, Kristy Hayes, afirma que neste “momento bastante histórico” que é o Brexit, “estamos a sair da União Europeia, mas isto não significa que estejamos a fechar as nossas abordagens aos outros países”. A diplomata britânica considerou que a comunidade lusófona “é uma organização muito vibrante, muito interessante”.

Kirsty Hayes justificou a decisão do Reino Unido de pedir o estatuto de observador associado com o facto de o país acolher “uma comunidade grande de portugueses”, de cerca de 400 mil pessoas, e “também outras comunidades luso-falantes”.

A diplomata considerou que o português “é uma língua global muito importante e também dentro do próprio Reino Unido”, considerou.

“Temos todo o interesse em fortalecer os laços com a CPLP em geral e com os vários Estados-membros também”, referiu, recordando que Portugal “é um amigo e aliado muito importante e de há muitíssimo tempo” para o Reino Unido.