De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Mundo

O primeiro encontro Merkel-Trump

“Reiterei à chanceler Merkel o meu forte apoio à NATO, bem como a necessidade dos nossos aliados na NATO pagarem a sua parte justa para a defesa” da Aliança Atlântica, disse Trump numa conferência de imprensa conjunta com a líder alemã na Casa Branca.

Esta é a primeira viagem de Merkel a Washington desde que Trump chegou à Casa Branca, no passado dia 20 de janeiro.

Sobre um dos temas mais aguardados e talvez mais polémicos deste encontro, Donald Trump declarou que a imigração é “um privilégio, não um direito”.

“A segurança dos nossos cidadãos deve sempre vir em primeiro lugar. Sem qualquer dúvida”, salientou o Presidente norte-americano, que enfrenta uma batalha judicial por causa de um decreto anti-imigração que visa proibir, segundo a mais recente versão, a entrada nos Estados Unidos de cidadãos de seis países de maioria muçulmana e suspender o programa de acolhimento de refugiados.

Na mesma conferência de imprensa, o Presidente dos Estados Unidos sublinhou a necessidade de alcançar uma solução “pacífica” no conflito da Ucrânia.

O chefe de Estado norte-americano referiu ter apreciado os esforços da chanceler alemã “para resolver o conflito na Ucrânia, onde, idealmente, procuramos uma solução pacífica”, disse Trump.

Na quinta-feira, os Estados Unidos voltaram a condenar a Rússia pela anexação da península ucraniana da Crimeia e pediram na mesma altura o fim imediato dessa anexação.