De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Mundo

Dinheiro do Lamborghini do Papa ajuda cristãos do Iraque

A Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) informou que o projeto de apoio ao regresso dos cristãos a casa no Iraque, é um dos principais beneficiários dos 715 mil euros do leilão do Lamborghini oferecido ao Papa Francisco.

Na informação enviada hoje à Agência ECCLESIA, destaca que está “particularmente comprometida” na missão de ajudar os cristãos a regressarem a casa na Planície de Nínive, no norte do Iraque, de onde foram expulsos pelo autoproclamado ‘Estado Islâmico’ no verão de 2014.

“Como medida essencial para se assegurar a permanência da presença cristã nestas terras bíblicas”, assinala.

A 27 de novembro de 2017, o Papa Francisco recebeu um Lamborghini Huracan no pátio da Casa de Santa Marta, onde estiveram presentes representantes da marca italiana e algumas personalidades da Igreja, como o presidente e o diretor do secretariado italiano da Fundação AIS.

O pontífice autografou e benzeu o carro – modelo único pintado de branco com duas listas amarelas em homenagem às cores da bandeira da Cidade do Vaticano – que a construtora italiana de automóveis desportivos ofereceu e foi leiloado este sábado, 12 de maio, no Fórum Grimaldi, no Mónaco, coincidindo com o Grande Prémio Histórico.

715 mil euros foi o valor angariado, um montante superior ao esperado.

A fundação pontifícia que vai receber parte desse valor lembra que esta não é a primeira vez que o Papa Francisco apoia os cristãos perseguidos no Iraque através da Ajuda à Igreja que Sofre, como a doação pessoal de 100 mil euros para a Clínica de São José, em Erbil, no chamado Curdistão Iraquiano, em 2016.

Para além da AIS, o pontífice decidiu que os fundos vão ainda ajudar uma comunidade que apoia mulheres vítimas de tráfico e de redes de prostituição – a Comunidade Papa João XXIII, bem como duas associações italianas que ajudam populações africanas.