De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Alemanha

A rua mais portuguesa de Berlim

© Fotos Diana Moreira

Mais de 140 mil portugueses vivem na Alemanha. Apesar de cidades como Hamburgo concentrarem uma grande percentagem deste total, Berlim tornou-se, nos últimos anos, uma “cidade-íman” para muitos jovens que, pelos mais variados motivos, decidem sair de Portugal.

E a presença de mais portugueses é também sinónimo de mais negócios nacionais na capital alemã. A pensar nisso, o BOM DIA foi explorar aquela que é, para já, a rua mais portuguesa de Berlim: Dunckerstrasse, no bairro de Prenzlauer Berg.

O passeio começa com uma paragem no Goldhahn & Sampson, um espaço de que é muito fácil de se gostar e que é composto por uma mercearia de produtos gourmet, uma livraria e uma cozinha onde são dadas aulas de culinária. Há 10 anos nesta morada, no Goldhahn & Sampson as estrelas portuguesas são o vinho, as conversas e o azeite. Nas estantes da livraria, os livros de gastronomia portuguesa fazem companhia a muitos outros das cozinhas do mundo.

Diana Moreira

No n.º 10 encontra-se o Bar Misirlou. E aqui há também um apontamento bem português, o vinho do porto, que faz companhia a inúmeras variedades de cervejas e cocktails. O bar conta com uma área para não-fumadores (uma raridade na cidade de Berlim!) e, além do espaço interior, a esplanada pode ser o cenário ideal para fazer um brinde sempre que o bom tempo decide dar um ar da sua graça. Apenas por curiosidade, saiba que coladinho ao Misirlou estava o Eka, um pequeno bar português que, depois de mais de 14 anos, encerrou recentemente e já deixa saudades.

Diana Moreira

Algumas portas depois, voltamos a ter motivos para parar e entrar. A Mercearia é um dos mais recentes espaços portugueses em Berlim mas já conquistou muitos fãs. Júlia Correia é a mulher que está por trás deste projeto que conjuga uma mercearia e um café no mesmo espaço: um 2 em 1 de peso.

dsc_0950

Na Mercearia pode encontrar produtos como sal, biscoitos, azeite, chás, conservas, vinhos, compotas, etc. A alma portuguesa está também no café onde não faltam os tremoços, o bacalhau, a tostas, entre outros petiscos que, só de ler, lhe podem deixar com água na boca. Pontualmente o espaço acolhe alguns eventos que acabam por ser mais um pretexto para reunir os amantes da cultura portuguesa.

Diana Moreira

Última paragem: n.º 23, Bekarei. “Alles von Hand und mit Liebe gemacht” (em português, “Tudo feito à mão e com muito amor”) é o lema desta padaria portuguesa e grega muito conhecida entre os portugueses (e não só!). O galão e os pastéis de nata são os produtos mais vendidos, mas aqui também é possível matar saudades de outras especialidades, como o bolo de arroz, a broa de milho e o pão de deus. A magia está no facto dos produtos incorporarem uma mistura de todas as culturas por onde os portugueses passaram.

Diana Moreira

Em 2014, a Bekarei participou no concurso ”A Melhor Padaria da Alemanha” conquistando o 6.º lugar de toda a Alemanha e o 1.º lugar em Berlim e Alemanha de Leste. Mais recentemente, este espaço voltou a estar em destaque por uma criação original: o pastel de NADA (sim, leu bem!), um pastel de nata vegan que resulta de uma mistura de coco, leite de arroz, farinha de sementes de tremoço e baunilha. Uma delícia…

Diana Moreira

Depois de terminar de percorrer esta rua, tem bom remédio: continue a passear pelo bairro de Prenzlauer Berg e deixe-se encantar com mais alguns sítios com alma lusa, como o bar Stadtkind, o restaurante A Cabana e os Les Cousins Fous (que de francês, só mesmo o nome!).